Beber cerveja, só traz benefícios segundo a ciência

Se é daquelas pessoas que adora cerveja mas fica sempre com um peso na consciência após beber o primeiro gole, não se preocupe.

Vamos explicar porque? 

. DIMINUI O RISCO DE PEDRAS NOS RINS

Investigadores do National Public Health Institute of Helsinki usaram o seu estudo de 27 mil homens de meia-idade para concluir que “cada garrafa de cerveja consumida por dia pode reduzir o risco em 40%”.

Os autores do estudo mostram que tanto a água como o álcool encontrados na cerveja aumentam os fluidos urinários e dilatam a urina, reduzindo o risco de se formarem pedras nos rins. O álcool também “aumenta a excreção de cálcio”, conhecido como o constituinte primário das pedras nos rins.

. PROTEGE-O DE ATAQUES CARDÍACOS

Uma equipa de investigadores da University of Scranton na Pensilvânia descobriu que a cerveja preta pode protegê-lo de ataques cardíacos. A aterosclerose – quando placas de gordura, colesterol e outras substâncias se acumulam nas paredes das artérias – é uma das principais causas de problemas cardíacos mas, segundo o médico Joe Vinson, o consumo moderado de cerveja pode diminuir o risco da doença em 50%.

SUGESTÕES PARA SI

. REDUZ O RISCO DE SOFRER UM AVC

Estudos da Harvard Medical School e da American Stroke Associaton mostram que pessoas que bebem quantidades moderadas de cerveja diminuem o risco de sofrer de acidentes vasculares cerebrais em 50%, comparado com pessoas que não bebem.

O tipo mais comum de AVC é o isquémico, que ocorre quando um coágulo de sangue bloqueia a artéria que leva o sangue e oxigénio para o cérebro. No entanto, quando bebemos cerveja, as nossas artérias tornam-se flexíveis e o fluxo sanguíneo melhora significativamente.

. FORTALECE OS OSSOS

A cerveja contém altos níveis de silício, um elemento que promove o crescimento dos ossos. Mas é necessário consumir a quantidade ideal. Investigadores na Tufts University em Massachusetts descobriram que um ou dois copos de cerveja podem reduzir o risco de partir os ossos, enquanto mais do que isso irá aumentar esse risco.

. DIMINUI O RISCO DE DESENVOLVER DIABETES

Em 2011, investigadores de Harvard descobriram que homens de meia-idade que bebem dois ou três copos de cerveja por dia reduzem o risco de desenvolver diabetes tipo 2 em 25%. O estudo, conduzido pelo professor Dr. Michael Joosten, estudou 38 mil homens e concluiu que o álcool presente na cerveja aumenta a sensibilidade à insulina, que ajuda a prevenir a diabetes.

. REDUZ O RISCO DE ALZHEIMER

Estudos de 1977 sugerem que quem bebe cerveja tem 23% menos probabilidade de desenvolver danos cognitivos, Alzheimer ou outro tipo de demência. Apesar de 365 mil pessoas terem sido estudadas, não se sabe porque é que a cerveja ajuda a reduzir o risco de Alzheimer. Uma teoria sugere que o consumo moderado de álcool ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo no cérebro e o silício presente na cerveja protege o cérebro dos danos causados pelo alumínio no corpo – uma das possíveis causas de Alzheimer.

. PODE CURAR INSÓNIAS

O consumo de cerveja estimula a produção de dopamina, componente prescrito por médicos a pessoas que sofrem de insónias, no cérebro. De acordo com um estudo da Indiana University School of Medicine, apenas provar cerveja faz os consumidores sentirem-se mais calmos e relaxados. No entanto, os investigados advertem que 15 mililitros, o equivalente a uma colher de sopa, é o suficiente para sentir estes efeitos.

. PREVINE CATARATAS

As cataratas formam-se quando a mitocôndria – parte da célula responsável por converter glicose em energia – da lente natural do olho se danifica. Investigadores na University of Western Ontario descobriram que os antioxidantes encontrados na cerveja são uma proteção contra esse tipo de danos. Mas atenção: só deve consumir uma cerveja por dia.

 

. PODE CURAR O CANCRO

Cientistas da University of Idaho acreditam que a cerveja pode mesmo curar o cancro. Foi descoberto um ingrediente na bebida que pode ser usado para combater o cancro e outras doenças inflamatórias. Os ácidos humulones e lupulones encontrados na bebida conseguem impedir o crescimento bacteriano e os cientistas esperam encontrar uma maneira de desenvolver um medicamento para doentes cancerígenos.

. AJUDA A PERDER PESO

Um estudo descobriu que um componente presente na cerveja pode mesmo ajudá-lo a perder peso.

A pesquisa da Oregon State University analisou 48 ratos do sexo masculino e separou-os em dois grupos. Ambos foram sujeitos a dietas com um alto teor de gordura, mas a um dos grupos foram dados 30 a 60 miligramas de xanthohumol, componente encontrado na cerveja, de acordo com o seu peso, durante 12 semanas.

Os ratos que consumiram xanthohumol diminuíram os seus níveis de mau colesterol em 80% e engordaram menos 22% do que os ratos que não consumiram.

Mas há uma contrariedade: se pesar 64kg terá que beber 3500 copos de cerveja por dia para consumir quantidade de xanthohumol necessária e poder ver resultados.

 

Source : http://visao.sapo.pt/